Eventos corporativos: a importância do catering

O catering é um dos aspetos mais importantes para o sucesso de um evento corporativo, mas nem todos os organizadores têm isso em atenção. Alguns pensam que um sanduíche e uma qualquer bebida serão suficientes. Mas estão totalmente errados.

A experiência, a sensação e a emoção

Grandes empresas estão investido forte em audiovisual e grandes efeitos para criar eventos corporativos únicos. A Ilusion, prestando serviços de mágica hi-tech especializados para empresas, é caso de sucesso. O objetivo é criar algo que usuários e participantes nunca tenham visto. Passar uma mensagem forte, simples, que cause sensação. E que seja facilmente compartilhada nas mídias sociais.

Tudo isso é importante, mas e na hora de comer? Uma sensação positiva não deve ser destruída por um catering fraco ou inexistente. Será que vale impressionar o participante de um congresso e depois lembrá-lo que terá de sair do espaço do evento para almoçar, ou em alternativa deveria ter trazido um sanduíche?

E se isso é importante em eventos destinados ao grande público, mais importante se torna em eventos formais. Se tem menos participantes, apresentar um catering excelente deveria ser ainda mais fácil.

A importância do aspeto cultural

Se tudo isso é importante nos Estados Unidos, o “centro” das ideias e inovações em “marketing” – foram os americanos que inventaram a palavra – imagine no Brasil. A cultura brasileira, por mil razões históricas que poderíamos desenvolver, é muito mais próxima da comida e da bebida. Não é só o prazer, quase pecado, que o brasileiro sente em comer e beber. É mais que isso. É a ideia do compartilhamento de um espaço e de um tempo em volta de uma mesa. É o compartilhamento de uma experiência positiva. É uma sensação positiva – a mesa – que vem reforçar uma outra – o contato pessoal e direto com quem está conosco.

Tudo isso tem que ser considerado pelo marqueteiro brasileiro. Por vezes, o conceito mais simples e básico se escapa de nossos olhos, sem motivo.